ao vivo
Atualizado em

5 músicas arretadas para o Dia do Nordestino

5 músicas arretadas para o Dia do Nordestino

O Nordeste é marcado por uma cultura singular. Há poesia, artesanato, culinária e até religiões próprias. Mas, se tem uma coisa que o nordestino sabe fazer bem, é música!

As canções possuem as cores, a cara, os cheiros e a história do Nordeste. O som da sanfona, da zabumba, do triângulo e do pandeiro são inconfundivelmente nordestinos. Sem falar que os artistas dessa terra são arretados, né, não?

Portanto, é claro que, no Dia do Nordestino, a CABO BRANCO FM não poderia deixar de exaltar os artistas dessa terra. Então solta um oxente com orgulho e simbora embarcar nessa playlist especial!

 

1. Carcará | João do Vale

Nada mais justo que abrir essa playlist com aquele que é considerado o Poeta do Povo, nosso ilustre João do Vale! Carcará é uma canção sobre um pássaro bem característico no Nordeste.

Nessa obra, João consegue transformar imagens do sertão e do animal em pura poesia. Arre, égua! É de arrepiar os cabelo do braço!

 

2. A Peleja do Diabo com o Dono do Céu | Zé Ramalho

Zé Ramalho é um dos artistas mais cabra da peste do Nordeste! Nascido e criado na Paraíba, o cantor de Avôhainomeou o segundo álbum da sua carreira como A Peleja do Diabo com o Dono do Céu.

Além disso, o nome de disco também intitula a primeira música do trabalho e fala sobre as desigualdades sociais que assolam o sertão nordestino. Sendo assim, a faixa não poderia faltar na nossa lista de hoje.

 

3. Nordeste Independente | Elba Ramalho

Não dá pra falar de Nordeste e não lembrar de Elba Ramalho, meu povo! Isso porque a obra dessa artista boa que só respira a cultura nordestina e isso pode ser visto em suas canções.

A provocativa Nordeste Independente, por exemplo, é uma amostra disso. A música sofreu censura na época de seu lançamento e o LP em que a canção foi incorporada era vendido com um lacre vermelho, com a mensagem de que era proibida a radiodifusão da música.

 

4. Andar com Fé | Gilberto Gil

O povo nordestino é um povo guerreiro, que vai à luta e sai vencedor! É gente batalhadora, que não se abala com pouco. Mas acima de tudo, é um povo que anda com fé, que ela não costuma a faiá.

Essa canção foi gravada por Gilberto Gil em 1982 como parte do álbum Um Banda Um e é uma canção que possui, inegavelmente, influências do reggae e ritmos jamaicanos. Contudo, não perde a beleza da imagem nordestina carimbada em cada nota cantada por Gil.

 

5. Asa Branca | Luiz Gonzaga

A seca no Nordeste é um tema abordado em grandes obras brasileiras. De Vidas Secas a O Quinze, a literatura nordestina está marcada por esse tema e por ele também está marcado seu povo. Grande parte do que representa a força do nordestino está na terra seca e sofrida do seu solo.

Para fechar essa lista arretada do jeito certo, é claro que não poderia faltar Luiz Gonzaga. Uma das canções mais populares Brasil afora, Asa Branca retrata o sofrimento do povo com a falta de água no Sertão. Ao ouvir essa canção, somos capazes de sentir que mesmo em sua amargura, o Nordeste inspira arte.

Viva o Nordeste!

Terminou de ouvir a Playlist e ficou com gostinho de quero mais? Em um episódio do Som Nascente deste ano, fizemos um especial de músicas regionais que você pode conferir aqui. Eita coisa boa!



Comentários 0

Comente esta notícia

Nossa programação é feita para e por você

Envie as músicas que você gostaria de ouvir em nossa playlist